Menu

Mandioca: Na alimentação infantil

0 Comment

Mandioca: Na alimentação infantil

mandioca

Quando o assunto é alimentação infantil, é comum que a maioria dos pais de bebês e crianças fique com dúvidas de como introduzir a mandioca na alimentação.

A maioria sabe que o aipim é um alimento muito importante para a saúde de todos.

Porém é fundamental saber mais informações para que o melhor seja oferecido ao seu pequeno.

Hoje estamos aqui para esclarecer algumas dúvidas, falar alguns dos benefícios da mandioca e também explicar como introduzi-la na alimentação infantil.

Por isso, caso você queira aprender como fazer isso, nos acompanhe durante esse artigo e entenda os melhores passos.

Benefícios da mandioca

A mandioca é basicamente uma raiz tuberosa conhecido no Brasil como maniva, aipim, macaxeira, manivera, entre outros.

Rica em potássio e também em fibras, diversos nutricionistas indicam a mandioca para o consumo dos pequenos,.

Isso, pois pode oferecer grandes vantagens à saúde.

Inicialmente é interessante lhe falar alguns dos benefícios principais que ela oferece.

Dessa forma, podemos lhe explicar em seguida como e quando introduzir na alimentação do seu bebê.

Mas vamos logo às vantagens de consumir a famosa manivera:

É um alimento altamente energético

Por possuir diversas vitaminas e mineiras, o aipim é indicado principalmente para os pequenos, pois é um alimento altamente energético, algo fundamental para o desenvolvimento.

Melhora no funcionamento do intestino

Outro grande benefício desse alimento é que ele melhora grandemente o funcionamento do intestino.

O mais interessante é que a manivera aperfeiçoa o movimento peristáltico.

Por isso, quando o intestino do bebê é movimentado, ocorre a absorção dos nutrientes de uma forma mais simples.

Além disso, o alimento também melhora a digestão, outro ponto muito interessante, já que alguns bebês têm dificuldades na digestão.

Ajuda na saúde dos olhos

A mandioca é rica em vitamina B1, a vitamina responsável pela neutralização de doenças como a catarata e o glaucoma.

Por isso, esse alimento é um grande aliado, já que ajuda grandemente na saúdo dos olhos dos bebês.

Previne a anemia

Outra grande vantagem da mandioca é que ela previne a anemia.

Isso ocorre, pois esse alimento possui uma grande quantidade de ferro e também folato, os nutrientes principais para a prevenção de anemias.

Combate a artrite

A última vantagem que iremos citar da mandioca hoje é que esse alimento também pode combater a artrite.

Por possuir os saponinos e os polifenóis, substâncias que têm a ação anti-inflamatória e analgésica, a mandioca combate a artrite quando é usada juntamente com o tratamento da doença.

mandioca 2

Quando e como introduzir a mandioca na alimentação infantil

Apesar de parecer difícil introduzir o aipim na alimentação do seu bebê, podemos lhe dizer que esse pode ser um processo muito simples.

Então vamos lhe falar inicialmente quando introduzir a mandioca na alimentação do seu pequeno e logo em seguida como.

Quando introduzir a mandioca na alimentação?

Inicialmente, compreenda que a mandioca é um alimento muito bom, porém não pode ser oferecido para um bebê de quatro meses, por exemplo.

O seu pequeno precisa estar acostumado a comer frutas ao menos, para que depois, aos sete ou oito meses de vida a mandioca sua introduzida em sua alimentação.

Dessa forma, você correrá menos risco do bebê não aprovar o alimento.

Como introduzir a mandioca na alimentação?

A única coisa que importa é que você faça alimentações interessantes e que agradem o sensível paladar do pequeno.

Além disso, uma grande dica é que você varie a alimentação do bebê com mandioca, inhame, batata e mandioquinha, uma vez que são alimentos semelhantes ao gosto do bebê.

Introduza a mandioca na alimentação do pequeno de uma forma gradual e completamente atrativa.

Uma boa opção para a idade deles é fazer purês ou papinhas com alimentos que já estejam acostumados.

Sempre busque pesquisar por novas receitas para tornar a alimentação agradável e atrativa.

Dessa maneira, o bebê se acostumará com o novo alimento e a introdução do aipim será realizada de uma forma muito simples e completamente rápida.

Por fim, caso você sempre tenha oferecido a mandioca ou alimentos parecidos como a batata e o bebê se nega a comer, busque por uma opinião médica para fazer a introdução alimentar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *